Lagoa da Volta

Povoado Fazenda Lagoa da Volta é localizado perto de Belém de Fátima. Foi onde viveu Pedro Correia, homem de boa índole, trabalhador, honesto e justo. Nascido na fazenda Barros, criava gado, era vaqueiro e marchante; casado com D. Francisca Vieira de Andrade, tiveram 21 filhos, mas criaram apenas 11.Em 1932, sofreu com a seca e os ataques constantes de Lampião, que lhes roubou todo outro, prata, dinheiro e os ameaçou de morte. Então, deixaram o povoado e voltaram a morar em Paripiranga/BA. Voltaram após 4 anos, e foi aí que seus filhos pegaram um doença que afetou a visão, deixando alguns cegos, passaram anos sofrendo e tendo que fazer tratamento em Aracaju/SE, mas só que sem resultados.Por conta da doença, surgiu a devoção a Santa Luzia protetora dos olhos. Durante 30 anos, no dia 13 de Dezembro houve a novena para a Santa, que reunia os membros da comunidade e faziam festejos. Com o passar do tempo, Pedro Correia construiu a capela, em que eram celebradas as missas e novenas. E ao redor dessa capela, eram também, enterrados todos os seus familiares. Pedro Correia era dono de 10.000 tarefas de terra, e antes de morrer, distribuiu 2.000 com seus filhos. As novenas em sua casa além de ter sucesso na região, dizem seus filhos que é uma inspiração pura da arte. Dona Josefa Correia escreveu sua autobiografia, toda em literatura de cordel, e Correinha da Zabumba é um cartão postal do município de Fátima.Nessa mesma época, existia uma Casa de Farinha que funcionava na casa de Caculo Correia, local este que servia para raspar mandioca e fazer farinha.

 COLÉGIO: Fundada por Pedro Correia pai de Tonho Correia, o colégio depois de muito tempo foi reformado pelo prefeito de Fátima. Depois de muito tempo o fundador dessa escola lutou bastante para construí-la juntamente com alguns amigos que proporcionaram um colégio da nossa comunidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *